Mãe pagará R$ 10 mil de indenização por alienação parental contra pai

O pai procurou a Justiça alegando que a filha sofria alienação parental pela mãe, o que dificultava a relação dele com a menor. E um laudo psicossocial comprovou a prática, o que fez a sentença e acordão regulamentar as visitas entre pai e filha.

 

Mesmo com a decisão judicial, a mãe continuava influenciando a filha contra o pai e impedindo-o de exercer seu direito de visita. Por isso, o pai entrou novamente na Justiça, desta vez pedindo uma indenização, por danos morais.

 

Ao analisar o caso, o magistrado explicou que foi comprovado em processo anterior, que a menor sofreu alienação parental provocada pela mãe, que agiu de maneira negligente em sua educação. E para o juiz houve um abalo no interesse jurídico do pai, já que seu direito de convivência com a filha foi prejudicada pela conduta ilícita da genitora.

 

Desta forma, a genitora pagará R$ 10 mil, por danos morais ao pai da menor pela prática de alienação parental.

 

O processo tramita em segredo de Justiça.

 

Fonte: Migalhas

Como posso ajudar? Entre em contato.