99 deverá indenizar cliente que teve a encomenda extraviada por motorista

A autora contratou os serviços da 99 Táxis para levar uma encomenda de salgados, no valor de cem reais, para uma cliente. Entretanto, o motorista que retirou a encomenda, não realizou a entrega com a justificativa de não encontrar o destinatário e finalizou a corrida.

 

Contatos com a empresa foram realizados, mas o motorista não foi encontrado e os prejuízos não foram ressarcidos, já que a empresa explicou que apenas faz a intermediação entre passageiro e motorista e não existe vínculo entre o aplicativo e o prestador do serviço. E ressaltou que o motorista abriu uma reclamação noticiando que o destinatário “foi buscar o dinheiro e não retornou”.

 

Para a juíza, da 3ª Vara Cível de Itaquera/SP, a empresa admitiu que a entrega não foi realizada e a culpa foi colocada na cliente da autora, sem provas. A empresa também não explicou o que foi feito com os salgados não entregues, o que torna incontroverso a falha na prestação do serviço. E a qual deve arcar com os ônus dos riscos inerentes à atividade que explora.

 

Desta forma, deverá indenizar a autora em R$ 2 mil, por danos morais.

 

Processo: 1027349-08.2021.8.26.0007

 

Fonte: Migalhas

 

Como posso ajudar? Entre em contato.